Relações Internacionais
  • Relações Internacionais UFSC

    Publicado em 01/04/2019 às 12:24

    Na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) são desenvolvidas práticas de ensino, projetos com a comunidade e atividades de pesquisa em Relações Internacionais em dois níveis: graduação e pós-graduação stricto sensu, em nível de mestrado e doutorado. São mais de 450 alunos, cerca de 40 professores e 20 técnicos em administração do ensino superior trabalhando juntos para formar bacharéis e mestres no estado de Santa Catarina.

    Graduação

    Relações Internacionais

    Pós-Graduação
    Atividades Complementares

    Pesquisa Extensão Intercâmbio
    Conclusão do Curso

    TCC


  • Inscrições abertas para o Programa de Mobilidade Erasmus+ UFSC – UHK 2020 – Até 04/02/2019

    Publicado em 20/01/2020 às 10:50

    A SINTER divulga que estão abertas as inscrições para o Programa de Mobilidade Erasmus + UFSC – UHK 2019, conforme o  Edital 1 SINTER 2020.  Nessa edição, o programa é destinado aos alunos de graduação dos cursos de Ciências Sociais, Relações Internacionais, História, Filosofia e Serviço Social que tenham interesse em aprofundar seus conhecimentos por meio de intercâmbio acadêmico na Universidade de Hradec Králové (UHK) no segundo semestre de 2020.

    Os estudantes selecionados receberão bolsa no valor total de €3200 e passagem aérea ida e volta. A UHK oferecerá isenção de pagamento de taxas acadêmicas.  Todas as disciplinas são ministradas em Inglês, portanto, a fluência no idioma é requisito indispensável para participação no programa.

    O candidato deverá enviar cópia digitalizada de toda a documentação listada no item 6 deste edital, salva em um único arquivo no formato Portable Document Format (.pdf), para o endereço de correio eletrônico programas.sinter@contato.ufsc.brentre os dias 16 de janeiro e 4 de fevereiro de 2020.

    A seleção será feita em duas etapas, por comissão composta por três membros e presidida pela SINTER.

    Informações em: https://sinter.ufsc.br/2020/01/16/inscricoes-abertas-para-o-programa-de-mobilidade-erasmus-ufsc-uhk-2020-ate-04022019/


  • Evento promovido pelo Médicos Sem Fronteiras no SESC Prainha

    Publicado em 20/11/2019 às 09:55

    Comunicando Crises Humanitárias – “como cobrir conflitos armados, desastres naturais e epidemias” é o tema do seminário de comunicação que será realizado em 30 de novembro, das 9h às 13h, no auditório do SESC Prainha, no centro de Florianópolis. O evento, promovido pela organização internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF), é voltado para jornalistas e estudantes de Comunicação, Cinema e Relações Internacionais. As inscrições serão encerradas na quinta-feira, dia 28 de novembro. Os formulários serão recebidos até às 23h59 e as confirmações serão enviadas por e-mail no dia 29 de novembro, na parte da manhã. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui.

    O seminário traz informações sobre a comunicação que MSF desenvolve nas principais crises humanitárias onde atua, exibe vídeos de depoimento de jornalistas que cobriram episódios marcantes em campo, e oferece uma oportunidade de bate-papo com profissionais de ajuda humanitária que viveram essas experiências de perto.

    O evento também conta com a participação de jornalista convidado, que irá fazer, na sessão Talk-Show com MSF, uma entrevista com a enfermeira catarinense Marina Barardi, que retornou de Guiné-Bissau em maio deste ano, após seis meses no projeto, e com o profissional de logística Mario Braga, que esteve na República Centro-Africana.

    No intervalo entre as atividades, os participantes poderão vivenciar algumas das situações que parte dos profissionais de MSF já experimentaram por meio de óculos de realidade virtual. São apresentados quatro contextos comuns nos locais onde MSF leva ajuda humanitária.

    O objetivo do evento é compartilhar experiência de campo, entender contextos e conceitos e dar dicas sobre como promover uma cobertura diferenciada mesmo com restrições orçamentárias nos diversos meios de comunicação e plataformas de mídia.

    PROGRAMAÇÃO PRELIMINAR

    8h30 – 9h I Credenciamento

    9h – 10h I Comunicando Crises Humanitárias
    Palestrante: Equipe de Médicos Sem Fronteiras

    10h – 11h I Vídeos com bastidores da reportagem
    Exibição de vídeos que trazem depoimentos de jornalistas que estiveram em campo:
    – Patricia Campos Mello relata como foi a cobertura da epidemia de Ebola em Serra Leoa.
    – Sônia Bridi conta os bastidores da reportagem do Fantástico num campo de refugiados em Uganda.

    11h – 11h30 I Intervalo
    Na pausa das atividades, MSF disponibiliza óculos de realidade virtual aos participantes com quatro contextos onde MSF atua.

    11h30 – 12h30 I Talk-show com MSF
    Jornalista convidado conduz uma entrevista com profissionais de MSF que trabalharam com crises humanitárias na África e Ásia.

    Participantes:
    Marina Barardi, enfermeira pediátrica de MSF
    Mario Braga, logístico de MSF
    O público poderá fazer perguntas e entrevistas com todos os convidados.

    12h30 – 13h I Sorteio de brindes e encerramento

    Regras de inscrição:
    Serão preenchidas 100 vagas obedecendo a ordem de inscrição. Terão prioridade profissionais que já trabalham com a temática ou com Comunicação, nas diferentes plataformas e prosas. Os formulários serão recebidos até as 23h59 de 28 de novembro. As confirmações serão encaminhadas por email no dia 29 de novembro na parte da manhã.

    Fonte: https://www.msf.org.br/eventos/comunicando-crises-humanitarias-em-florianopolis.


  • Abertas as inscrições para o Programa de apadrinhamento dos estudantes estrangeiros

    Publicado em 11/11/2019 às 12:40

    Estão abertas as inscrições para o Programa de apadrinhamento dos estudantes estrangeiros de graduação que realizarão intercâmbio na UFSC em 2020.1.

    Este programa foi criado com intuito de orientar e auxiliar os estudantes internacionais em como proceder nos primeiros momentos em Florianópolis e na UFSC e, em contrapartida, proporcionar aos nossos estudantes a oportunidade de estar em contato com estudantes de universidades do exterior e de culturas do mundo inteiro.

    Essa é uma oportunidade maravilhosa para começar seu intercâmbio aqui no Brasil mesmo, praticando um idioma, conhecendo outras culturas ou fazendo novas amizades.

    As inscrições ficarão abertas até o dia 9 de dezembro de 2019.

    Para mais informações e preenchimento do formulário de inscrição, clique aqui.


  • Oportunidade de intercâmbio com bolsa para a Alemanha

    Publicado em 11/11/2019 às 12:39

    A Secretaria de Relações Internacionais (SINTER) informa que estão abertas as inscrições para estudantes de graduação concorrerem a bolsas de estudos na Pädagogische Hochschule Weingarten (Alemanha) no semestre de inverno da instituição .

    As inscrições deverão ser realizadas entre os dias 04 e 27 de novembro de 2019.

    Acesse o edital clicando aqui.


  • Prêmio CAPES Talento Universitário: inscrição vai até 12/11

    Publicado em 11/11/2019 às 12:38

    O Prêmio CAPES Talento Universitário oferece R$5 mil reais aos universitários que prestaram o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) nos anos de 2017 e 2018.

    Com inscrições abertas até ao próximo dia 12, o CAPES Talento Universitário vai selecionar mil alunos que começaram a graduação em 2019, em instituições de ensino superior (IES) públicas, privadas ou militares.

    Os interessados podem se candidatar no site do Prêmio. Para a seleção, uma prova de múltipla escolha será aplicada em 60 municípios, de todos os estados brasileiros, no dia 08 de dezembro. A divulgação dos resultados ocorrerá em fevereiro de 2020.

    O Prêmio tem investimento total de R$5 milhões, e vai reconhecer o desempenho de estudantes com competências cognitivas de destaque, além de subsidiar estudos e pesquisas que reflitam nas atividades da CAPES.

    Mais informações, clique aqui.


  • SEMINÁRIO HOMENAGEM A CELSO FURTADO: seis décadas de “Formação Econômica do Brasil”

    Publicado em 05/11/2019 às 12:00

    Acontecerá nos dias 11 e 12 de novembro o SEMINÁRIO HOMENAGEM A CELSO FURTADO: seis décadas de “Formação Econômica do Brasil”, promovido conjuntamente pelo CNM, pós graduações em Economia e RI, com grandes nomes do pensamento econômico brasileiro.

    Será concedido certificado de até 20 horas complementares para a participação no Evento, ou de horas correspondentes (4 horas por cada período de participação), mediante assinatura das listas de chamada.

    Convidamos você a participar desse debate e celebrar os 60 anos da mais famosa obra desse reconhecido economista brasileiro.


  • Palestra: No peace for Ukraine?

    Publicado em 05/11/2019 às 10:19


  • Egressa de Relações Internacionais da UFSC apresenta petição na ONU contra acordos comerciais entre UE e Marrocos

    Publicado em 24/10/2019 às 10:46

    A egressa da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Mariana Martins Almeida apresentou uma petição na Organização das Nações Unidas (ONU) em nome da European Coordination for the Solidarity with the Sahrawi People (Coordenação Europeia de Apoio ao Povo Saharaui – EUCOCO) contra os acordos comerciais firmados entre a União Europeia e o Marrocos, principalmente em atividades de pesca desenvolvidas nas águas territoriais do Saara Ocidental. O documento foi lido na sessão do Quarto Comitê da ONU, neste mês de outubro, em Nova York, nos Estados Unidos.

    Com graduação e mestrado em Relações Internacionais pela UFSC, Mariana estudou na Universidade de Leiden, na Holanda, depois de ter sido aprovada para uma bolsa de estudos do Programa LExS Award por meio de um processo seletivo realizado pela Secretaria de Relações Internacionais (Sinter) da Universidade. Com formação em Estudos do Oriente Médio e Norte da África pela instituição holandesa, a egressa explica que o interesse pelo tema surgiu após sucessivos debates, conversas e reflexões com sua orientadora na UFSC, professora Karine de Souza Silva. “Depois, quando cheguei à Holanda, busquei saber quais eram os movimentos de solidariedade para com o Saara Ocidental e me aproximei de diversas pessoas, dentre eles pesquisadores e ativistas”, salientou.

    A população saarauí busca o direito à autodeterminação do Saara Ocidental contra a ocupação marroquina. A petição apresentada por Mariana, redigida em conjunto com o Comitê Belga de Apoio à Causa Saarauí e a Coordenação Europeia de Suporte ao Povo Saarauí, trata-se de uma crítica institucional à União Europeia que, ao assinar acordos comerciais com o Marrocos, “está (in)diretamente apoiando a ocupação do território do Saara Ocidental”. De acordo com a autora, essa crítica também se estendeu ao papel colonial que o Marrocos vem desempenhando na região, ocupada desde novembro de 1975.

    Elaborado após reuniões de articulação com delegações de vários países, a petição foi lida em sessão na ONU promovida no último dia 11 de outubro. “Em um comunicado de imprensa emitido pela ONU, a nossa petição é usada como contra-argumento na desconstrução da narrativa principal, que é dominada pelo Marrocos e que enfatiza que não há ocupação”, ressaltou. Mariana destaca também que são esperados possíveis movimentos nas agendas políticas e sociais dos países onde participou de encontros em embaixadas para falar sobre o tema, como Suécia, Alemanha, Portugal, Bélgica, Timor Leste, Polônia e Espanha.

    Atualmente atuando no terceiro setor, a autora acredita que ocupar um espaço de debate a nível internacional para defender uma causa com escassa cobertura midiática e acadêmica é uma oportunidade para buscar a desejada mudança no status quo que o povo do Saara Ocidental vem buscando sem sucesso, mesmo com o regime internacional de Direitos Humanos a seu lado. “Peticionar a favor da busca pela autodeterminação do Saara Ocidental, território atualmente ocupado pelo Marrocos, torna possível expandir a agenda para além da narrativa dominante – sustentada pelo Marrocos e pela França – de que o povo saarauí deve sucumbir à soberania territorial marroquina. É necessário não somente manter esse debate ativo, mas fazer uso dos mecanismos de direito internacional para que os direitos do povo saarauí sejam cumpridos”, concluiu.

    Fonte: https://noticias.ufsc.br/2019/10/egressa-da-ufsc-apresenta-peticao-na-onu-contra-acordos-comerciais-firmados-entre-uniao-europeia-e-marrocos/?fbclid=IwAR0MvatBthVl7KtO8W_rZPWkvWBecLDDsLRHfdydc6lsubfFUydD7OmSXDE


  • Seminário Internacional “A China Hoje: tradição e inovação”

    Publicado em 21/10/2019 às 13:08

    O Seminário Internacional “A China Hoje: tradição e inovação” será realizado nos dias 29 e 30 de outubro de 2019, segundo programação abaixo, nos auditórios do CFH e do curso de Eng. Mecânica.
    No dia 1º de outubro o povo chinês celebra os 70 a fundação da República Popular da China e o Grupo de Estudos sobre a China decidiu realizar uma discussão pública centrada no debate sobre as condições que permitiram a esse país asiático, nos 70 anos de história da República Popular, superar a condição de subdesenvolvimento e alcançar a condição de segunda potência econômica mundial, atrás somente do EUA.
    A atividade, está sendo organizada pelo Grupo de Estudos sobre a China da UFSC, e professores dos seguintes cursos: Programa de Pós-graduação em Sociologia Política – PPGSP/UFSC, Programa de Pós-graduação em Relações internacionais – PPGRI/UFSC, Curso de Engenharia Mecânica, Programa de Pós-Graduação em Literatura (PPGLit), com apoio da PROEX, a PROPG e a Secretaria de Relações internacionais – SINTER/UFSC, e contará com a participação de alguns importantes especialistas na área de estudos.
    Outras informações se encontram abaixo, no cartaz do Seminário e na página do evento. Agradecemos desde já a colaboração.


  • Lançamento: Refúgio por motivos de orientação sexual: um estudo antropológico na cidade de São Paulo

    Publicado em 21/10/2019 às 13:07

    Este livro discute um tema ainda pouco abordado: estrangeiros/as que chegam ao Brasil e solicitam refúgio com a expectativa de vivenciar seus desejos afetivo-sexuais com maior liberdade, uma vez que tiveram que fugir de seus países de origem por terem sido perseguidos/as devido às suas orientações sexuais. Trata-se de uma etnografia que vai interessar a estudantes, pesquisadores/as, ativistas e profissionais das áreas de Migração Internacional e Refúgio, Gênero e Sexualidade, Antropologia, Políticas Públicas e Direitos Humanos.

    Autor: Vítor Lopes Andrade

    Editora: Edufsc

    Para mais informações, acesse: https://www.livraria.ufsc.br/produto/1225/refugio-por-motivos-de-orientacao-sexual–um-estudo-antropologico-na-cidade-de-sao-paulo